segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Convenceram-nos de uma mentira!

Acordamos a cada dia com a crença na mentira com que fomos crescendo - nada podemos para alterar aquilo com que não concordamos - assim, acomodamo-nos, deixamos estar, porque mesmo que fizéssemos algo de nada serviria!
Somos assim tão cobardes? Ingénuo? Descrentes! Podemos tudo. Mesmo que a montanha tenha de ser empurrada, somos capazes. Portugal não é aquilo que nós queremos, é aquilo que nós deixamos que seja, porque nada fazemos.
Olhamos para a máquina burocrática de funcionamento estatal, e acreditamos convictos da mentira instituída que nada podemos! Somos capazes de muito mais.
Não nos sentaremos todos nas cadeiras de poder, mas todos daremos aqueles lugares a alguém. Mas líderes poderemos ser em cada lugar, aquele que se encontra sentado pode ter a autoridade, mas para ter liderança precisa muito mais do que apenas ser eleito.
Não posso terminar sem repetir, minhas senhoras e meus senhores acreditem quando vos digo que os portugueses somos nós, e não os outros, que os maus condutores portugueses somos nós e não os outros, e não se convençam quando vos dizem que nada podem para alterar tudo aquilo com que não concordam. Podem muito, e serão compensados pelos vossos esforços. Acreditemos!

3 comentários:

A Pris disse...

menino

só não concordo quando dizes que não nos sentaremos nas cadeiras do poder

Mário Martins disse...

não nos sentaremos TODOS, quero com isto dizer nem todos seremos primeiros ministros ou presidentes da republica! contudo poderemos ser líderes onde estivermos

ISRAEL (WinnerKid) disse...

Ya, isso mesmo!!